CONSTRUTIBILIDADE NO ÊXITO DE PROJETOS DE ENGENHARIA CIVIL - Lamb Construções e Engenharia

CONSTRUTIBILIDADE NO ÊXITO DE PROJETOS DE ENGENHARIA CIVIL

Em junho de 2018 realizou-se em Porto Alegre o XIII Congresso Brasileiro de Gestão, Projetos e Liderança, sob o comando do PMI – Project Management Institute.

Em artigo submetido à apreciação do PMI, apresentamos o case bem-sucedido representado pela construção de uma cozinha e um restaurante para a realização de 3.000 refeições por dia, construído nas dependências da Braskem, Cidade de Triunfo – RS.

O caso particular deste projeto foi de que o prazo para execução era de apenas 130 dias, sendo necessário encontrar soluções de engenharia que possibilitassem a construção do edifício neste prazo exíguo.

Além disso, as dificuldades inerentes à atuação dentro de uma planta petroquímica, com suas precauções de segurança redobradas face à natureza do ambiente literalmente explosivo, dificultavam a tarefa.

Para atingir o objetivo, foram eleitos dois aspectos do empreendimento que eram os mais importantes para sua realização com sucesso.

Um deles foi a “construtibilidade” do edifício e, para melhorar esta característica do empreendimento, foi necessário modificar os projetos de engenharia recebidos do cliente para torná-los mais simples de serem realizados.

A palavra “construtibilidade” significa:  “o bom uso do conhecimento e da experiência para atingir o sucesso de um empreendimento”.  Mas, para nós significa, também, fazer o ajuste na técnica construtiva adotada de forma a tornar a construção mais simples, com menos partes. Seja reduzindo as fases da construção, optando pelo uso de um só tipo de material ou estrutura, seja substituindo etapas compostas por múltiplas atividades por etapas realizadas em única atividade.

Desta forma, a concepção do projeto foi revisitada pela ótica dos requisitos e não pela ótica dos projetos de engenharia já elaborados e apresentados pelo cliente.

Os requisitos, uma vez atendidos, levaram a concepção e adoção de técnicas que:

a) Reduzissem a necessidade de trabalho humano no local da construção face à natureza industrial do ambiente de trabalho;
b) Reduzissem o tempo para construção da obra.

No que tange a construtibilidade, a ação da empresa comparou o projeto de engenharia recebido do cliente e propôs modificações que facilitassem a construção, sem alteração de requisitos, resultando em quadro resumido que está abaixo:

 

Soluções industrializadas também foram adotadas resultando em menor aplicação de horas homem no canteiro, conforme quadro abaixo onde está apresentado o elemento construtivo e quais partes deste elemento foram pré-industrializadas e quais foram produzidas “in loco”:

 

Quanto mais se estuda a metodologia construtiva e as condições necessárias para construir, mais se consegue estabelecer um método construtivo que conduza ao sucesso do empreendimento.

Neste caso, a adoção ativa do conhecimento e experiência de construção e a elaboração de projetos de engenharia voltados e preocupados com a execução, permitiram a realização do empreendimento nos prazos, custos e qualidade requeridas.

 

Autor: Júlio Cesar Lamb – Diretor Proprietário na Lamb Construções e Engenharia